O poder do mau humor

FacebookTwitterGoogle+Compartilhar

O mau humor faz parte de nossas facetas de enfrentar os ocorridos da vida. Mas, infelizmente, muitas pessoas o confunde com um estado contínuo de humor. O que deveria ser algo corriqueiro e passageiro passa a ser parte da personalidade de uma pessoa. E lidar com o mau humor não é fácil, muito menos quando esse mau humor vem de terceiros.

Há patologias, como depressão e distimia por exemplo, que fazem com que a pessoa fique mais mau humorada. Nestes casos, uma avaliação profissional se faz necessário. Mas refiro-me aqui, neste texto, um tipo frequente de mau humor que muitas pessoas “insistem” incorporar à sua personalidade.

Ok, a política está em crise, há falta d’água, o dolar está cada vez mais alto, etc. Temos “n” motivos para justificarmos nosso mau humor, certo? Mas por que então alimentamos este mau humor? Neste caso, precisamos não “personificá-lo”  e mudar de atitude passa a ser primordial.

O mau humor contagia e interfere (negativamente) nas relações interpessoais. Já pensou se ao cumprimentar as pessoas você escuta uma lista interminável de queixas? Ou ao dar um sorriso de bom dia e outra pessoa vira a cara pois não se sente bem para retribuir um simples sorriso? Imagine como o seu dia ficaria se todos alimentassem seu mau humor!

Não podemos mudar o mundo apenas com o desejo de mudança, mas podemos sim mudar a nós mesmos e, com isso, refletir uma mudança neste mundo. Que tal não alimentar seu mau humor hoje? Desafio-te a ficar uma semana sem reclamar e observar seus resultados e consequências com tal mudança de comportamento. Aposto (e ganho!) que você vai obter resultados positivos se mudar do padrão de “mau humor” para outro bem humorado. Não estou te pedindo para ser um “Poliana” da vida, e sim, não fomentar e dar forma ao mau humor. Se tiver problemas, revolva-os, mas não fique se lamuriando quando algo não sai a contento. O mau humor tem o poder de te deixar pra baixo e te deixa  incapaz de enxergar novos caminhos e soluções.

Um excelente dia a todos (cheio de bom humor!)…

Diário da Autoestima

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>